Pacote para Economia – Desburocratização – Implantação nacional da Rede Nacional para a Simplificação do Registro e da Legalização de Empresas e Negócios – Redesim

• Integrar nacionalmente o Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica (CNPJ) com todos os órgãos de registros e licenciamento para abertura, alteração de dados e fechamento de empresas (Redesim). O sistema incluirá os dados, documentos e atos cadastrais não tributários, os cadastros das administrações tributárias e órgãos de registro e licenciamento, e a concessão de inscrições e licenças para atividades econômicas e civis de baixo risco.
• Reduz o tempo exigido para abertura e fechamento de empresas, assim como para alteração de dados cadastrais. O tempo médio hoje é superior a 30 dias, podendo chegar a mais de 100 dias em grandes centros. Objetivo é reduzir para 5 dias.
• Prazos:
• integração São Paulo 1ª fase (Receita, Jucesp, Sefin/SP): mar/2017
• integração Rio de Janeiro (Completa com Sefaz/RJ): abr/2017
• integração São Paulo 2ª fase (Completa com licenciamento): jun/2017
• integração nacional acima de 80%: dez/2017
• abertura de empresas de baixo risco até 5 dias: dez/2017
O pdf da apresentação do Ministério da Fazenda está disponível em http://www.slideshare.net/joseadrianopinto/governo-anuncia-pacote-d…

Fonte: José Adriano